A Star is Born: Lady Gaga está de volta!

Em tempos que o ódio e o preconceito estão por todas as partes, Mother Monster está de volta para dar forças a seus little monsters espalhados pelo o mundo. Stefani Germanotta, a Lady Gaga, completa dez anos de carreira musical em 2018 e, para marcar este momento, ela estreia como protagonista de um remake do A Star is Born (Nasce Uma Estrela), filme musical que estreia amanhã nos cinemas brasileiros.

No papel de Ally, Gaga faz par romântico com o Bradley Cooper (Jackson Maine), famoso por filmes como Vingadores: Guerra Infinita, O Lado Bom da Vida e a trilogia de comédia Se Beber, Não Case. O desempenho da cantora e a química com o ator encantou fãs e críticos dos principais jornais e portais especializados dos Estados Unidos, onde o filme estreou na última sexta-feira (05/10). 

A Star is Born Lady Gaga
Crédito: Divulgação

Desde sua estreia, o longa estrelado por Lady Gaga já arrecadou US$ 43 milhões e foi apontado pela Revista Forbes como um títulos favoritos para o Oscar 2019. No Rotten Tomatoes, portal norte-americano que agrupa resenhas cinematográficas, o filme tem uma aprovação de 91% com base em 302 resenhas feitas pelos próprios usuários do site. As músicas da trilha sonora – principalmente a Shallow – estão em primeiro lugar em lojas virtuais e serviços de streaming de todo o mundo.

Este é terceiro remake do musical A Star is Born. O papel de protagonista – que foi originalmente estrelado por Janet Gaynor em 1937 – já pertenceu a Judy Garland, em 1954, e a Barbra Streisand, em 1976.

Lady Gaga, a história de um fenômeno

Antes de ser Lady Gaga, Stefani Germanotta foi uma jovem cantora (e atriz!) muito talentosa que sonhava com a fama. Nascida em Nova York, ela aprendeu a tocar piano aos 4 anos de idade, escreveu sua primeira música aos 13 anos e, um ano depois, já se apresentava em casas noturnas. No tempo de escola, ela interpretou papéis de destaque em musicais e, aos 19 anos, compôs a música Boys, Boys, Boys com o produtor RedOne.

Na universidade, Stefani fundou a Stefani Germanotta Band com um grupo de amigos e juntos eles gravaram um CD com músicas de balada. Nessa época, ela conheceu quem a batizaria com seu nome artístico: o produtor musical Rob Fusari, que comparava as habilidades vocais dela com a de Freddie Mercury.

Fusari contou à imprensa que sempre cantava Radio Ga Ga quando Stefani entrava no estúdio para gravar e, um dia, ele escreveu o nome dessa música em uma mensagem de texto e não percebeu que o corretor mudou a palavra radio para lady. “Assim que ela viu me respondeu ‘é isto” e, desde aquele dia, pediu para não ser chamada de Stefani e sim de Lady Gaga”, disse o produtor.

Em agosto de 2008, o primeiro álbum de estúdio de Lady Gaga – o The Fame – atingiu a primeira posição nos Estados Unidos e principais países da Europa. As icônicas Just Dance e Poker Face foram parar no topo das paradas e, em tempo recorde, fizeram sucesso no Brasil e no resto do mundo. Um ano depois, ela gravou com Beyoncé a música Video Phone, que ficou em 14º lugar na lista Bubbling Under Hot 100 Singles, da influente revista Billboard. Em 2010, Beyoncé “devolveu o featuring” e participou da gravação da música Telephone.

Em abril de 2010, o videoclipe de Bad Romance foi considerado o mais assistido de toda a história do Youtube. Além disso, foi o primeiro vídeo a superar a marca de 200 milhões de visitas. Naquele ano, Gaga foi considerada uma das artistas mais influentes do mundo pela Revista Time e uma das pessoas mais bem vestidas daquele ano pela Revista Vogue.

Um ano depois, Lady Gaga lançou seu segundo álbum, o Born This Way, que emplacou os hits Born This Way, Judas, The Edge of Glory, Yoü and I e Marry The Night. Em novembro de 2013, lançou o álbum Artpop e fez todo mundo dançar ao som de ApplauseG.U.Y e Do What U Want.

Em setembro de 2014, Gaga lançou o álbum Cheek to Cheek, feito em parceria com o cantor Tony Bennett, que vendeu 131 cópias na primeira semana. Em 2015, a cantora divulgou em seu perfil pessoal no Twitter que estava no elenco da série American Horror Story. Sua atuação rendeu um Globo de Ouro na categoria de Melhor Atriz.

Gaga não parou por aí! Em setembro de 2016 ela lançou o Perfect Illusion, primeiro single de seu quinto álbum de estúdio, o Joanne, que foi lançado oficialmente em outubro de 2016 e não teve tanto desempenho quanto seus trabalhos anteriores. Apenas 1 milhão de cópias foram vendidas.

Este ano, Gaga estrela A Star is Born, filme que conta com músicas escritas e interpretadas por sua voz inconfundível. O título já é sucesso absoluto nos Estados Unidos e, aqui no Brasil, as buscas na internet indicam que também estamos interessados no musical.

De acordo com levantamento da SEMrush, startup de marketing digital, os brasileiros fizeram 74 mil pesquisas sobre o filme Nasce Uma Estrela nos principais sites de busca. Além disso, em janeiro fizemos 135 mil pesquisas sobre a cantora e, em setembro, foram 165 mil, o que representa um aumento de 22% nas buscas sobre Lady Gaga.

Além do filme, uma novidade vem aí: Gaga já confirmou que está trabalhando no seu sexto álbum de estúdio. Para nós que somos fãs resta curtir a estreia do filme, torcer pela indicação ao Oscar e esperar o lançamento do próximo álbum da cantora.

*****

Curta a página do blog Calcinha Rosa-Choque no Facebook

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s